29 de novembro de 2023 14:54
Natal Tempo

Estudo revela que mais de 80% das escovas de dente podem trazer prejuízos à saúde bucal

Foto: FreePik

Um estudo conduzido pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP) aponta que a maioria das escovas disponíveis no mercado não corresponde às características desejáveis para uma escovação segura.

A autora do estudo, a cirurgiã-dentista Sônia Regina Cardim de Cerqueira Pestana, afirma que as cerdas, que formam os tufos das cabeças das escovas dentais, “são afiadas quando deveriam ser arredondadas para não representar riscos à saúde dos usuários.”

Para chegar a essa conclusão, foram analisados 345 modelos de escovas adquiridas em diferentes estabelecimentos comerciais do estado de São Paulo. Desse total, 285 (82,16%) têm cerdas que não atendem às normas brasileiras para esses produtos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp